Descobri que antes de te conhecer, eu não me conhecia. Não era quem julgava ser. Penso que mudei por ti... já não sou quem era antes e, de certeza, amanhã não serei quem sou agora. Por ti mudo tudo; até aquilo que achava bastante improvavel.
(este é o texto de uma sofia com o cérebro de folga)

8 comentários:

  1. Para quem está com o cérebro de folga, não se saiu nada mal! ;)Nós nunca conhecemos as pessoas ao certo, a cada dia que passa encontraremos coisas novas nelas **

    ResponderEliminar
  2. Ele está em recuperação :)
    Pois, exactamente! Mas há pessoas que quanto mais se conhece, menos se quer conhecer!

    ResponderEliminar
  3. Hum! Compreendo :) Tens que ter calma, ver bem as coisas, :)

    ResponderEliminar

obrigada pela opinião (: